segunda-feira, 6 de junho de 2011

3 pontinhos...

1 - Vou começar pela parte agradável deste post, o jantar de blogs na Amadora. Correu da melhor maneira possível, num ambiente descontraído e de diálogo embora marcadamente pautado pelo tema político. Foi óptimo ter oportunidade de falar pessoalmente com algumas pessoas que já não via há algum tempo e conhecer outras pessoas igualmente interessantes que espero reencontrar. Até as bds tiveram lugar na discussão.
Lamento apenas que o Pinguim tenha ficado triste e desmotivado por muitos terem desmarcado à última da hora mas tal como lhe disse, não organizar mais destes jantares devido é essa situação é dar mais importância a quem não esteve do que a quem esteve…
Até porque éramos mais de 30, o que é um número considerável.
De minha parte, foi uma última fuga das obrigações da faculdade. Agora é respirar fundo e preparar-me para a recta final. O que nos trás ao 2º ponto.

2 – Relativamente à minha tese, já escolhi o meu tema, que se vai debruçar sobre as questões da aceitação/rejeição parental face à orientação sexual . Já escolhi os meus orientadores mas fiquei há pouco a saber que um outro personagem escolheu precisamente o mesmo tema que eu!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! Ainda não sei como se vai resolver a questão, vamos ter uma reunião em breve.

3 – Por fim, não podia deixar de tocar na vitoria do PSD que é algo que me ASSUSTA profundamente, ainda mais com a coligação que é…
Eu não sou fã do senhor Sócrates, acho que ele mentiu ao país, que pouco fez para resolver a situação económica e por favor… ninguém quer saber do TGV, criatura…
Mas tenho de dar o meu braço a torcer porque, NINGUEM em tão POUCO TEMPO tinha catapultado tanto o país a nível da sua evolução social como José Sócrates. Somos um pais desenvolvido socialmente graças a ele que destruiu inúmeras desigualdades sociais e injustiças sendo que poucos são os que lhe dão crédito por isso. Mas o tuguinha é mesmo assim… Só dá valor ao que uma pessoa faz mal, o que faz bem é desvalorizado…
Agora estes senhores que lá estão, como não têm poderes mágicos para resolver os problemas económicos vão entreter e distrair o povinho com as questões polémicas que há pouco foram resolvidas. Porque é uma jogada de mestre, fazendo-se agora um referendo para o aborto e depois quiçá por exemplo, um referendo para mudar o nome do casamento de pessoas do mesmo sexo, toda a gente vai andar a falar disso e vão esquecer-se que a verdadeira ameaça económica do pais continua por solucionar… Ou seja se por um lado não avançamos, por outro lado ainda vamos regredir…
Ainda vão ser muitos os que morderão a língua e eu, tenciono estar lá para lembrar de quem é a culpa…

8 comentários:

pinguim disse...

Quanto ao jantar, um enorme obrigado pela tua presença, que foi excelente.
No que respeita ao tema da tese, vai-nos pondo ao corrente da situação, pois isso interessa-me muito.
Finalmente quanto às eleições, parece que, embora em tom de brincadeira, o jantar, com a sondagem efectuada e as conversas havidas, mostrou antecipadamente o que se iria passar.
O teu temor em relação ao futuro não é menor que o meu...
Abraço amigo.

Teté disse...

Ponto número um: o importante é que o jantar tenha decorrido bem, ainda por cima com tantos participantes (30 não é um bom número?!), se alguns não puderam comparecer, pior para eles. Enfim, e há que lembrar que reunir tanta gente é sempre difícil, alguém tem um pai, tio, avó, amigo, etc. que faz anos na mesma data e a cuja festa seria difícil faltar!

Ponto dois: é esperar que a faculdade decida!

Ponto três: espero que estejas equivocado, mas do jeito retrógrado que aqueles dois são, temo que a regressão vá ser inevitável! :P

Beijocas!

Theomentos disse...

Pontinho número 1: Como já referi no post anterior fiquei feliz que tenhas podido ir ao jantar e ter com todos do universo da blogsfera, 30 é mesmo um número expressivo, não lembro quantos tinham naquele almoço que eu fui mas não sei se chegava a tanto.
Pontinho número 2: Isso lá se resolve, mudas um bocadinho, o teu colega muda lah um bocadinho tmb e já está, tudo arranjado e tmb deixa a batata quente para os orientadores já que são os mesmos :P
Pontinho número 3: Tmb me preocupo com o futuro do nosso casamento :S E é bem provável que eles queiram assuntos polémicos para esconder o resto dos olhos do povo, o importante é ter o assunto da crise sempre mais forte para que ninguém se esqueça.

ψ Psimento ψ disse...

pinguim: Mesmo com a sondagem do jantar confesso que sempre pensei que o PS ia ganhar... Enfim... resta-nos aceitar. Quanto à tese provavelmente até vou pedir a tua participação. ;)

Teté: Eu também acho que éramos mais do que suficientes. O problema é se a faculdade não me escolhe a mim :p

Theo: O colega realmente é uma pessoa acessível, logo se vê...
Quanto ao casamento, não acredito que seja retirado mas se calhar vão querer mudar...

Rafeiro Perfumado disse...

Vou cingir-me ao ponto três: imagina que alguém ajuda uma velhinha a atravessar a passadeira e em seguida entra num banco, rouba o dinheiro, na fuga atropela quatro crianças e ainda por cima estaciona num lugar para deficientes. É assim que vejo o período em que o sócrates governou...

Abraço!

ψ Psimento ψ disse...

Concordo plenamente contigo só que agora os que lá estão além de irem roubar o banco, atropelar as criancinhas e estacionar no lugar para deficientes, ainda vão procurar a dita velhota para lhe darem um headshot....

Abraços

Luís disse...

1) O próximo será organizado por ti e no Porto - que achas?... 2) Coisa rara e curiosa, mas certamente encontrarás uma alternativa próxima do tema original. Esperamos que sim... 3) Lê este artigo http://sound--vision.blogspot.com/2011/06/de-que-falamos-quando-falamos-de-jose.html no blogue Sound+Vision. Eu acho que ele diz muito! De qualquer forma, estamos todos no mesmo barco e temos que nos governar com o que governo que temos. Mesmo que não o desejássemos... Abraços,

ψ Psimento ψ disse...

Luís obrigado pela sugestão.