domingo, 26 de fevereiro de 2012

Countdown to Oscars

Sei que tenho andado meio desaparecido da blogosfera mas a verdade é que o tempo não dá para tudo. Com aulas para preparar, com a tese e o relatório de estágio a gritarem para serem feitos e com diversas outras actividades pendentes, o tempo escasseia.
E pelo menos até à Pascoa o ritmo não vai abrandar...
De qualquer modo, dentro de algumas horas será madrugada de Óscares e eu como sempre vou assistir do inicio ao fim!! Ainda não vi metade dos filmes nomeados mas isso já é habitual acontecer. :)

Mesmo assim, aproveito para deixar duas recomendações deste ano. Ambos os filmes superaram as minhas expectativas.



"War Horse" está precisamente nas corridas aos Óscares com 6 nomeações e estou a torcer para que ganhe alguns. Esperava que o filme caísse no típico cliché de filmes de animais e de filmes de guerra mas tal não aconteceu.
Passado na época da 1ª Guerra Mundial, um jovem rapaz cria um cavalo que todos julgavam ser um caso perdido. Os laços entre os dois crescem mas, alguns anos depois são obrigados a separar-se, quando o pai vende o animal como um cavalo de guerra. Impossibilitado de acompanhar o seu amigo o rapaz é deixado para trás e seguimos as aventuras do cavalo Joey enquanto este passa de "dono" em "dono" dando-nos várias perspectivas diferentes da guerra em cada pessoa que o "adopta".
Mais não conto porque acredito que ainda haja muita gente a querer ver este filme que vale mesmo a pena. Honestamente, acho que foi o melhor que vi nas ultimas semanas. É um filme verdadeiramente emocionante com cenas difíceis de ver principalmente para alguém que, como eu, é um amante de todo o tipo de animais e acérrimo defensor dos seus direitos.
Saliento principalmente uma cena de entre-ajuda e até solidariedade entre um soldado inglês e um soldado alemão, mesmo em tempo de guerra. Foi para mim, provavelmente, uma das cenas mais perfeitas deste filme de Spielberg.






"Chronicle" é um filme de ficção cientifica e como tal quem for ver este filme tem de ir preparado para situações que ultrapassam a lógica. Pessoalmente, acho meio estranho as pessoas que vão ver estes filmes e depois criticam tudo aquilo que na vida real nunca poderia acontecer.
Hmmm... estes filmes são caracterizados de FICÇÃO CIENTÍFICA precisamente por essa razão, não sei se toda a gente entende isto mas, a ideia é mesmo essa.
De qualquer modo, o filme acompanha a vida de 3 jovens que adquirem super-poderes telecinéticos. Ou seja, poderes que lhes permitem mover todo o género de materiais utilizando apenas a mente. Contudo, este não é um filme de super-heróis, este é um filme que retrata o que aconteceria se adolescentes ganhassem este tipo de poderes. Durante o filme vieram-me à cabeça por diversas vezes o lema de vida do Peter Parker "With great power there must also come great responsibility!"
Os efeitos visuais estavam à altura, assim como a interpretação dos actores e o desenvolvimento dos personagens. A única coisa que não me agradava era o estilo de filmagem. Tudo que víamos era através da lente da câmara de um dos personagens ou através de câmaras de vigilância. Como tal, frequentemente ficava com a sensação de que se perdia informação e que as cenas agitadas se tornavam por vezes confusas. Tirado isso, foi uma surpresa verdadeiramente agradável.

5 comentários:

Theomentos disse...

Eu não vi nenhum dos filmes indicados, primeiro porque sempre dependo do Psi para tê-los e ele não passou nenhum deles depois quero muito ver o da Meryl Streep porém esses dois que pusestes cá tmb instigaram minha curiosidade :P Espero que consigas logo para poderes me passar todos :D Já que ver filmes aqui é meu único divertimento ehehe.
Bjosssss

Teté disse...

Olha e eu que estava decidida a não ir ver o primeiro, não porque não goste de animais, antes pelo contrário, mas porque normalmente acho os filmes com animais um bocado lamechas (e é dizer pouco...)? Bom, para já, hei de ver brevemente "Hugo" (estava para ver este fim de semana, mas não houve tempo) e depois posso pensar nisso. De qualquer forma, e estando já preparar-me para a noitada (sim, não és só tu que ficas de plantão :))) ), tenho quase a certeza que quem vai "limpar" as estatuetas vai ser "O Artista"! E o filme até merece! :D

Quanto à outra sugestão, bem, eu não gosto de ficção científica, portanto é raríssimo ver um filme desse tipo e, normalmente, só quando vou enganada! Assim, nunca me queixo da inverosimilhança das suas cenas... :)

Beijocas e boa noite cinéfila!

Denise disse...

Não vi nenhum dos dois. Aliás, acreditas que ainda não vi um único filme este ano? Pois :/

bjinho e bom trabalho no estágio e com a tese.
Também estou a precisar de férias mas ainda tenho o mês todo de março que parece enorme, antes da Páscoa.

***

pinguim disse...

Eu estou como a Denise, mas razoavelmente documentado para ter uma opinião.
O primeiro filme de que falas deve ser muito bom, e do segundo,confesso não tinha ainda ouvido falar...

um coelho disse...

De filmes na corrida aos óscares vi a Dama de Ferro e o Hugo. Gostei da interpretação da Meryl, mas não adorei o filme. Quanto ao Hugo, olha, enfim, os filmes não podem cair todos no goto e este não caiu, não achei o filme nada de especial. É um Scorcese, verdade, so what?

É verdade que tens andado off daqui, mas acredito que isso por aí ainda ande atribulado. Pelo menos pensa que cada dia que passa é menos um dia que falta para veres os teus sonhos (e os do Theo) realizados.