quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Preconceitos de Onde Menos se Espera

Infelizmente continuo com a certeza que não estamos perto de viver num mundo sem preconceitos e estereótipos negativos.
Há pouco tempo encontrava-me eu numa aula estranhamente interessante de Ciências Sociais a estudar as famílias da nossa sociedade. Passamos pelas famílias tradicionais, alargadas e muitas mais até que chegamos á família homossexual. Algumas miúdas lançaram uma piadita inocente e até engraçada e estávamos a debater o assunto até que um colega já casado, com filhos e já com idade para ter juízo afirmou: “A meu ver dois homossexuais nunca podem ser família”. A partir daqui a aula nunca mais mudou de assunto.
Os outros colegas e a professora, felizmente, ficaram quase tão chocados como eu que no entanto me mantive reservado pois não me apeteceu empolgar-me na discussão e queria ver até onde aquilo ia. A argumentação prosseguiu com o colega a afirmar, segundo o que eu percebi e resumidamente, que dois homossexuais não poderiam sequer ser um casal nem uma família porque dois homens ou duas mulheres não podem nutrir amor um pelo outro, a única coisa que os une é o sexo e sem isso podem, quanto muito, ser amigos…
Bem não vou aprofundar muito o meu comentário a isto porque se não, nunca sairíamos daqui pergunto-me apenas o mesmo que a professora perguntou: Como pensam vocês vir a ser bons psicólogos se ainda tem preconceitos desses?

Mais tarde já no intervalo durante a pausa para o café e para o cigarrinho a discussão continuou, comigo já mais participativo. Partilharei a resposta que o colega deu quando eu e algumas raparigas presentes o acusamos subtilmente de ser preconceituoso:
Eu não sou preconceituoso porque quando era mais novo fui acampar com uns colegas, soube nas vésperas que um deles era homossexual e fui na mesma…”
Hmmm…Boa colega é preciso ter coragem realmente para dormir na mesma tenda que um desses seres estranhos!!
Pobre senhor que não suspeita que lida todos os dias pelo menos com um desses estranhos e peculiares seres vivos: O homo sapiens homossexualis XD

8 comentários:

K disse...

Os preconceitos e estereótipos negativos existiram, existem e existirão.
De facto, um psicólogo deve ter uma mentalidade aberta, pois quem é ele para julgar. Acho que, não é muito difícil, um ser humano compreender que, o que une dois seres humanos é o amor e não o sexo. O sexo, se formos a ver, serve para aliviar a tensão, mas não é o pilar fundamental da união entre dois seres humanos, sejam eles homossexuais, ou não. Esse teu colega está no curso errado.

Psimento disse...

Acredito que ele mais tarde ou mais cedo preceberá isso e talvez altere algumas formas de pensar... a ver vamos :)

Graduated Fool disse...

Esse senhor estuda psicologia? Pois, então ainda tem de estudar muuuuuuuuuito.
Passo-me com gente que pensa como ele. Uma coisa é fazer-lhe confusão a ideia de 2 homens juntos ou 2 mulheres juntas, pronto, infelizmente acontece. Mas outra coisa é achar que duas pessoas do mesmo sexo não se podem amar. Mentecapto, esse senhor!

Psimento disse...

Pois, e tem ele dois filhos... se um dia o tiro lhe sai pela colatra é que eu quero ver!!

Dijambura disse...

Há colegas psicólogos (formados e no activo) que escrevem barbariedades assumindo posturas pseudo-cientificas exemplo disso foram as declarações na REVISTA VISÃO Nº 767 (8 de Novembro)PELA PSICÓLOGA MARGARIDA CORDO: «A HOMOSSEXUALIDADE É
UM TRANSTORNO DA IDENTIDADE SEXUAL, UMA DOENÇA E TEM
RECUPERAÇÃO». Há que ter cuidado com este tipo de afirmações, esse estudante provavelmente será um péssimo profissional como esta sra.já o é.

AllenGirll disse...

É verdade, custa a crer que há muito psicólogo por aí cheio de teorias, mas também com muito preconceito!Essa é uma realidade que me choca um bocado! Tive colegas que nem sabiam tratar bem deles, quanto mais virem um dia a "cuidar" de pacientes!Mas penso que a vida é sempre uma boa professora!:) Bigada pelo comment no meu blog:) Já vi que estás a estudar psicologia! Fazes tu muito bem, é o melhor curso que há! No entanto, somos tantos, e ninguém nos quer dar trabalho.. É verdade, a realidade está muito má, para nós, psicólogos.. Espero que o novo ano traga novas possibilidades! Feliz Natal e Óptimo Ano Novo!**

So disse...

lembro-me tao bem desta aula.. ainda eramos uns psis bebes =) de qualquer das maneiras fico feliz por pelo menos uma pessoa ter percebido que não servia prakilo =) espero no entanto que ele tenha ficado mais "aberto" =P

Maria disse...

“Eu não sou preconceituoso porque quando era mais novo fui acampar com uns colegas, soube nas vésperas que um deles era homossexual e fui na mesma…”

AHAHAHA enaaa bebeu chá de coragem e comeu umas bolachitas de peito erguido? :) credo!Tb sou estudante de psi ;)* beijo