segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Cloak & Dagger

Tyrone "Ty" Johnson e Tandy Bowen eram dois adolescentes que se conheceram nas ruas após terem fugido de casa. Contudo, Ty era proveniente de famílias humildes enquanto Tandy era a única filha de uma milionária. No entanto, ambos sentiam-se desprezados pela família e rapidamente criaram laços de amizade que viriam a ser a base de uma relação amorosa de longos anos. A vida nas ruas de uma grande cidade não era fácil para os dois jovens e a certa altura foram raptados juntamente com vários outros toxicodependentes e sem abrigo para funcionarem como cobaias nos testes de uma nova droga. Curiosamente, a droga mostrou-se letal para todas as cobaias menos para Ty e Tandy tendo no entanto despertado poderes misteriosos que lhes permitiram escapar.
Os dois tornaram-se num casal de super-heróis e ao longo dos anos têm participado em enumeras batalhas ajudando principalmente os mais desfavorecidos e permanecendo sempre à margem da lei.
Mais recentemente foram contactados por Norman Osborn para integrarem o seu grupo de Dark X-Men contudo, quando Emma Frost lhes perguntou se queriam juntar-se aos verdadeiros X-Men, Cloak e Dagger não pensaram duas vezes. Dagger adorava a vida com os X-Men mas Cloak afastava-se cada vez mais tendo mesmo se envolvido com outra pessoa. Quando descobriram que os seus poderes se deviam apenas à droga com que foram injectados, os dois consideraram que não faziam parte da equipa e abandonaram os X-Men com intuito resolver os problemas na sua relação.Poderes: Estes dois personagens não são mutantes e os seus poderes devem-se à droga experimental que lhes foi injectada e que interagiu com o organismo de ambos de forma inesperada. Cloak desenvolveu uma ligação com uma dimensão de escuridão que lhe permite teletransportar-se a si e a outras pessoas para qualquer parte do mundo usando o seu manto para este efeito. Dagger por seu lado, tornou-se numa fonte de luz com poderes curativos e a capacidade de criar laminas de energia luminosa para atacar os seus inimigos. Estes personagens não aparecem em nenhuma adaptação ao cinema até ao momento. Pessoalmente esta é uma dupla com quem nunca me identifiquei muito apesar de ter acompanhado várias das suas aventuras. No entanto, gosto de os ver de quando em vez mas uma bd mensal focada neles não seria suficientemente apelativa para mim.

3 comentários:

Bongop disse...

Também já escrevi sobre esta dupla!
Como é que eu posso defini-los...:
Sáo giros!
:D
Mas é como dizes, é para aparecer de vez em quando, e de preferência trabalhando com mais alguém.
;)

Abraço

Theomentos disse...

Parece uma tentativa de criar um Yim e Yang, bem e mal, black and white. Também não me interessou muito, apesar dele ser muito musculado :P Mesmo assim não conseguiu prender muito minha atenção, a história parece enfadonha. Acho que uma BD exclusiva para eles seria demais. Amo-teeeeeeeeeeee :D

Loot disse...

Por acaso tenho ideia de ter lido a dada altura que a razão porque não morreram após a droga experimental foi porque esta interagiu com os seus genes mutantes latentes. Na sua origem não foi isso, mas é daquelas coisas que mudam para justificar melhor os poderes de alguns. Penso que fizeram o mesmo com o F4.

Mas se calhar lembro-me mal ou mudaram de ideias.