terça-feira, 8 de março de 2011

Rio de Janeiro

Ao contrário de São Paulo, o Rio de Janeiro é uma cidade de uma beleza maravilhosa e com pessoas muito agradáveis! Também as ruas são mais limpas e o próprio ar parece mais agradável de respirar.
Mesmo em altura de verão as praias amplas deixavam espaço suficiente para todos e o calor apelava por um mergulho e por várias doses de água de côco.
A beleza da cidade, a temperatura e as maravilhosas praias convenceram-me quase à chegada e esta tornou-se uma das minhas cidades preferidas, onde não me importaria de morar um dia. Fiquei lá cerca de uma semana mas ficava muito mais e ainda havia várias coisas a visitar. Desta vez deixamos um bocado de parte a cultura e os monumentos e dedicamo-nos à praia!!

Encontrei no entanto três pontos menos bons:
1 – A cidade como qualquer foco turístico tem tendência a ser um pouco cara.
2 – A Água apesar de não ser gelada como a de Portugal continua a ser bastante fria.
3 – A Taxa de criminalidade é muito elevada. Eu e o Theo assistimos por exemplo a uma enorme quantidade de miúdos de etnia negra entre os 10 e os 12 anos a entrar num autocarro e a roubarem tudo a que deitaram mão. Quando viram a policia a aproximar-se e as portas do autocarro a não abrirem vários deles espremeram-se pelos minúsculos vidros do veiculo para tentar fugir. Os que não tiveram tempo, foram recebidos pela policia com uma dose de cachaços e cacetadas. Depois seguimos caminho, o que se passou de seguida, desconhecemos…

(Clicar nas fotos para aumentar)

Rio de Janeiro visto do Monte do Corcovado




Cristo Redentor no Monte do Corcovado





Rio de Janeiro Visto do Monte do Corcovado





Ilha Fiscal





Submarino no Museu da Marinha




Museu da Marinha, dentro do Submarino



Rio de Janeiro visto do Monte Pão de Açucar. A paraia mais ao fundo é Copacabana para onde iamos todos os dias a 50m do nosso Hostel.



Vista do Monte do Pão de Açucar.




Copacabana


O Rio também é rico em bicharada:

Os Urubus continuam presentes em grande número.



Noivinhas



Os lagartos que apareciam em qualquer lado.



Fragatas. Conhecidas como os Piratas dos Ares pois atacam e roubam os peixes pescados por outras aves. Na foto é uma fêmea pois tem plumagem branca. Os machos possuem uma plumagem avermelhada e conseguem encher essa área com ar ficando com uns gigantescos papos. É assim que conquistam as fêmeas eheh. Estas aves nunca são vistas no solo pois não são capazes de levantar voo sozinhas. Necessitam de se atirar de penhascos para se aproveitarem das correntes de vento.



Saguí, os pequenos macaquinhos que habitam no Monte do Pão de Açucar. Infelizmente sempre que se começavam a chegar mais perto, aparecia uma criança que gritava: "MÃAAAAAAEE OLHA MACACOOOOOOOOOS!!!" e eles voltavam a fugir como é obvio...
Ainda me perguntam porque que não gosto de crianças...
Também vi uma borboleta azul turquesa enorme mas não consegui foto :(
Espero voltar com o Theo ao Rio de Janeiro em breve porque ficamos com óptimas recordações. :)

16 comentários:

Speedy disse...

sinto falta de uma agua de coco. aww, good memories

Theomentos disse...

Como se pode ver nas fotos a viagem foi mesmo maravilhosa. Eu gosto do Rio de Janeiro a última vez que lá estive foi em 2001 pouco depois do atentado de 11 de Setembro, vocês podem imaginar como as pessoas iam para os pontos turísticos com um olho nos céus a ver se não levavam com nenhum avião. Naquela época já andávamos com muito cuidado na cidade com mil e uma recomendações dos pais e professores, sim porque fui com a turma do 8º ano. Agora a escola nem faz mais este tipo de viagens e com razão, do jeito que as coisas andam andar lá com 50 miúdos de 14 anos com as hormonas a sair pela pele não é tarefa fácil. O Rio de Janeiro, na minha opinião só peca pela violência, sinto mesmo muito medo de andar por lá, felizmente não fomos vítimas de nada, apenas expectadores. Também espero voltar lá em breve com o Psi :D

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Olá Psi!

Obg pelos teus sempre comentários e carinho.

Não conheço o Brasil, mas de facto S. Paulo e o Rio são cidades bem diferentes a julgar pelas fotos que deixas das duas (a primeira através do link). As fotos são divinais, bem conseguidas e dão uma boa mostra do local onde estiveram e, obviamente, de vocês :) Uma pessoa com rosto é sempre melhor.

Foram a locais belíssimos e majestaticos como aquele onde se vê a praia onde iam, e haver um museu da Marinha dentro de um submarino, é algo original e bem interessante, suponho!

Isso da violência quase podia ter acontecido convosco, já viste? Felizmente não passaram de testemunhas.

Um grande abraço e obrigado por partilhares as fotos.

Cp disse...

Mas que situação a vossa :O
Ainda bem que não vos aconteceu nada!
Tirando esse acontecimento menos feliz parece-me que as férias foram boas. Sorrisos de orelha a orelha e com excelente companhia e mais as paisagens absolutamente lindas... que mais se pode pedir? ^_^

Abraços aos dois! ;) E bem vindo de volta Psi! =)

pinguim disse...

Pois o Rio é aquela cidade maravilhosa; deve ser das cidades mais belas do mundo.
Mas eu, ao contrário de ti, nunca viveria lá, precisamente por causa da violência de que falas.
Não oferece segurança e queira Deus que não haja problemas quando se realizarem lá os Jogos Olímpicos.

Angelo disse...

De facto, o cenário parece-me maravilhoso... Mas essa coisa da violência é um turn off imenso...

Rafeiro Perfumado disse...

Vê lá se convences a minha jove, pois é uma resistente à ideia de ir lá...

Abraço!

Marco disse...

Adorava conhecer o Rio. É uma das cidades que tenho mais curiosidade em conhecer. Infelizmente a minha companhia de viagens não tem muito interesse pois tem receio da insegurança.:-(

Teté disse...

Não conheço muitas cidades do mundo ao vivo e a cores, mas das que conheço considero que o Rio de Janeiro mete todas num chinelo - é a paisagem magnífica, as praias, a vegetação luxuriante, o povo simpático, o próprio clima.

Claro que tem essa nuance da criminalidade - quando estive lá também assisti a um assalto no autocarro (onibus), 3 homens de faca em punho em redor de uma mulher no banco traseiro, para lhe roubarem o colar e a pulseira de pedras semi-preciosas, que saíram calmamente pela porta detrás sem sequer pagar bilhete, que o motorista abriu de bom grado. Já lá vão quase 30 anos...

Mas afinal de contas, há alguma cidade no mundo que não seja perigosa, em termos de assaltos?

Beijocas!

ψ Psimento ψ disse...

Speedy: Também já sinto falta do Brasil na totalidade eheheh.

Theo: Pois eu não tive medo, fui cuidadoso como sou em qualquer sítio. Aposto que desta vez foi muito mais giro que em 2001 eheheh.

Lobinho: Acho que se pensarmos assim nunca saímos de casa. O que tiver de acontecer acontece e tanto pode ser no Rio de Janeiro como à porta de casa. Claro que temos de ser cuidadosos. Nunca fui assaltado nem vitima de nenhum crime directo mas também gosto de acreditar que não me predisponho a isso.

Cp: Foram excelentes como sempre são na companhia do Theo ehehhehe.

Pinguim: Eu viveria e de certeza que seria muito feliz lá!! É verdade, há mais criminalidade como acontece na grande maioria das grandes cidades. Mas mesmo no nosso pacato Portugal ouvimos todos os dias noticias de crimes que nos chocam, lá houve-se mais mas o país também é infinitamente maior e com mais de 200 milhos de habitantes.

Angelo: Depois de ter conhecido não há nada que me dê um turn off ;)

Rafeiro: Ahhh nem parece dela :p diz-lhe que conseguirá umas fotos maravilhosas!!

Marco: Ui companhias de viagem não valem nada. Eu trato das minhas próprias viagens, estadia e itinerário e gasto metade do que gastaria através de companhias de viagens! Dá trabalho, mas vale a pena.

Teté: Está na hora de lá voltares eheheh. Eu concordo plenamente contigo. Uma das mais belas cidade que alguma vez visitei. Espero ter oportunidade de lá voltar muito em breve. Acho que a insegurança e o medo não nos devem impedir de fazer as coisas!!

Beijos/Abraços

Gata Verde disse...

Eu quero conhecer,mas tenho receio de ir...é só isso!
:)

Adorei as tuas fotos!!

O Mutante disse...

Também quero!!!
('',)

um coelho disse...

As tuas fotos comprovam mesmo a letra daquela canção da luso-descendente Aurora Miranda... cidade maravilhosa, cheia de encantos mil.

Só não fazia a mínima ideia que a água em copacabana era fria.

paulofski disse...

Qu'imbeja :)

Imagino as fantásticas pedaladas que eu daria pelos morros do Rio, de belas paisagens e cariocas morenas.

Fotos fantásticas

So disse...

Do que pude ver também preferi o Rio... acho que tem um ar de sua graça. não me importava nada de dar uns passeios por lá, dispensando a parte dos macaquinhos claro =P acho que vou por na lista dos must go places =) se algum dia tiver dinheiro pra isso =P

ψ Psimento ψ disse...

Gata Verde: Se formos com receio então não vamos a lado nenhum ;)

Mutante: Assim que puderes não hesites!!

Coelho: Olha nem eu, mas a verdade é que é!!

Paulofski: Não sei se conseguirias ehehe ia ser um experiência bem Wild

So: Pois para macaca já bastas tu :p Acho bem que lá vás se eu um dia viver lá ;)