sexta-feira, 4 de março de 2011

São Paulo


(Podem carregar nas fotos para aumentar)
Com vinte milhões de habitantes o que ultrapassa em duas vezes o total da população portuguesa, São Paulo é uma verdadeira bomba sociocultural. Uma monstruosa cidade com elevadíssimos níveis de criminalidade e onde vivem e chocam comunidade de diferentes etnias, religiões e estatutos socioeconómicos.
No âmbito geral gostei de visitar a cidade embora nunca fosse capaz de lá viver. É extremamente suja e com uma confusão estonteante de pessoas em todas as direcções e caracterizada por muitos como uma “Selva de Pedra”.
Tinha também a ideia de que na cidade só existiram prédios e construções modernas e foi com surpresa que verifiquei que existem diversos monumentos antigos e interessantes por toda a cidade.
Catedral da Sé



Mercado Municipal



Pátio do Colégio



Palácio das Indústras



Gigantesca Locomotiva exposta no Palácio das Indústrias



Avião exposto no Palácio das Indústrias



Bolsa de Valores



Temos de admitir que têm "coragem" e lata. Num país devastado por catástrofes naturais onde ainda morrem pessoas à fome eles ainda exibem orgulhosamente um ecrã que contabiliza a quantidade de dinheiro que o governo tem armazenado proveniente dos impostos da população.




A minha busca e curiosidade pela bicharada mantêm-se, em São Paulo não esperava encontrar mais do que ratos e baratas mas, quem domina a cidade são os gigantescos urubus, uma espécie de abutre que se alimenta de todo o lixo humano...
A caminho do aeroporto de Guarulhos passamos também por umas lagoas e foi possível ver nas suas margens diversas capivaras. No ano passado a minha saga para as encontrar foi bem mais difícil.




Por fim, aconselho a quem for visitar São Paulo a só beber água engarrafada e devidamente lacrada. Agua da torneira jamais!!

10 comentários:

pinguim disse...

Vieste apenas a corroborar uma ideia que já tinha; se for ao Brasil não vou conhecer S.Paulo.

Theomentos disse...

Realmente Pinguim São Paulo pode ficar de fora de qualquer roteiro turístico, vamos deixá-la para os grandes empresários e seus enormes prédios de betão. Psi, vale ressaltar que aquele Impostometro tava sempre a subir enquanto estávamos lá, e ainda hoje também, ta sempre a subir. O conselho de não beber água da torneira é bem válido mas vale lembrar também de não comer camarão em locais duvidosos e nem frutas muito exóticas, ainda não sabemos bem ao certo o que fez-te mal por isso é bom prevenir em tudo. Por fim vimos coisas interessantes e pontos da cidade que eu também não conhecia, já está visto não precisamos lá voltar, ainda mais agora com os voo da TAP ligando directamente Porto Alegre a Lisboa :D

ψ Psimento ψ disse...

Pinguim: Há muitos sítios bem melhores para ires sem dúvida.

Theo: O melhor é levar a comida de casa ou ir ao supermercado comprar. E também desinfectar as mãos sempre que se anda de metro que aquilo deve ter todas as doenças do mundo espalhadas por aqueles corrimões e ferros de agarrar. Só gostei da vista da cidade do topo do Bovespa.
Da última vez que disse que nunca mais queria ir a São Paulo perdi o avião e acabei por ser obrigado a lá voltar para dormir eheheheh por isso mais vale estar caladinho ;)

Teté disse...

Mostraste muito bem o outro lado da "selva de pedra" e os edifícios lindíssimos que ainda existem no meio do betão. De qualquer modo, também acho que não era cidade onde gostasse de viver. Não só pela tua descrição, mas por tudo o que tenho viso/lido sobre ela... :)

E lá fiquei a conhecer o "facies" de uma capivara! Não imaginava é que existem urubus (dos verdadeiros)em São Paulo! :D

Beijocas e bom carnaval!

um coelho disse...

Apesar de tudo não tinha ideia que houvesse essas curiosidades turísticas em S. Paulo. De qualquer forma, com um Brasil tão grande e lindo deve ser dos últimos sítios onde irei.

(mas não pude deixar de sorrir por depois da epopeia das capivaras do ano passado este ano elas aparecem sem esperares)

ψ Psimento ψ disse...

Teté: Fiquei muito surpreendido pela quantidade de monumentos belíssimos e antigos que por lá havia. Tenho fotos de outros mas a verdade é que não me lembro dos nomes por isso não coloquei aqui eheheh.
Vi dezenas de Urubus, mas não os acho bonitos ao contrario das capivaras que são linda :)

Coelho: Sim há muitos sítios melhores para ires!!! Também achei uma certa ironia nesse facto eheheh.

So disse...

És um sortudo! Acho que mesmo depois das coisas más não me importava de dar lá um saltinho pra ver como eh =P e claro não beber agua da torneira lol
achei o impostometro uma terrivel lata e uma afronta às pessoas, não sei como aquilo sobrevive ali...
Acho que o post do Rio vai ser mais cativante =) estou ah esperiiinha =)

X disse...

São Paulo é imensa!!!

paulofski disse...

S. Paulo é uma das maiores metrópoles mundiais com uma história rica e cheia de recantos urbanos bonitos. Não a conheço a não ser das novelas e de relatos de quem lá vive e visitou.

Não há cidade como o nosso Porto, não é?

ψ Psimento ψ disse...

So: Sinceramente também não sei como o povo não deita aquilo a baixo lol

X: Sim, assustadoramente grande a 3ª maior do mundo aliás!!

Paulofski: Isso não há, por mais cidades que visite o Porto continua a ser a mais bela!!! :)