sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Na Verdade...

…sobrevivi a um acidente de viação precisamente porque desrespeitei uma lei básica de segurança.
É das memórias mais antigas que guardo. Devia ter 5 ou 6 anos e sempre fazia grandes birras quando viajava com os meus pais porque queria ir no banco da frente. Excepcionalmente, naquele dia, vínhamos da terra dos meus avós para casa, e a minha mãe deixou-me ir no banco da frente no colo dela. Estávamos a poucos minutos de casa parados numa fila de carros porque o semáforo estava vermelho quando de repente fomos abalroados por trás por um carro completamente descontrolado causando o choque em cadeia dos restantes 4 carros que aguardavam na fila. O impacto foi tão grande que o banco de trás fechou-se sobre si mesmo e os encostos dos bancos da frente partiram projectando-nos para cima do banco de trás. As vindimas tinham sido há pouco tempo e transportávamos vários garrafões de vinho na mala que se estilhaçaram e espalharam o seu conteúdo pelo carro criando um pequeno rio de vinho pela estrada. Felizmente ninguém teve mais do que alguns arranhões e os meus pais queixaram-se de dores nas costas durante semanas. XD De qualquer forma nunca me vou esquecer da força com que a minha mãe me segurou e aquele cheiro a vinho insuportável. Deve ser por isso que é a única bebida alcoólica que não gosto.

…sofro de uma perturbação de paralisia inicial do sono.
É algo que me acontece quando ando mais cansado ou stressado. Basicamente por vezes o que sucede é que o meu corpo adormece antes do meu cérebro. Resultado, estou perfeitamente consciente de tudo à minha volta, oiço e vejo mas não consigo mexer um único músculo do corpo até que recupero a mobilidade repentinamente cerca de um minuto depois. Quando era mais novo e isto me começou a acontecer entrava completamente em pânico mas o médico de imediato me sossegou e me disse que no fundo tenho sorte e acabei por me adaptar. A verdade é que há pessoas com esta perturbação que além dos sintomas que eu referi, apresentam também um estado alterado da consciência misturando os sonhos ou os pesadelos com a realidade tendo verdadeiras alucinações e vendo os mais diversos seres bizarros dentro do quarto ou mesmo em cima delas. Julga-se que muitos dos relatos de pessoas que alegam ter sido raptadas por extraterrestres durante a noite e outros seres mitológicos, são o resultado de estados mais graves desta perturbação.

…NÃO falo relativamente bem português, inglês e japonês.
O português(obviamente) e o inglês falo com relativa fluência. Já o japonês apesar dos muitos animes que vejo, sei pouco mais que palavras básicas.

...já nadei num rio com jacarés.
Eu e o Theo estávamos num acampamento bem no centro do Pantanal brasileiro e os nossos guias disseram que nadavam no rio desde crianças e que não havia problema. Como tal eu e o Theo passamos imenso temo a mergulhar e nadar sossegadamente. A verdade é que os jacarés pareciam com mais medo de nós que nós deles e só se chegaram para a parte onde nós nadávamos algum tempo depois de termos saído da àgua.

…os meus X-Men preferidos são a Storm, o Angel, o Iceman e o Northstar.
Efectivamente são tal como se pode comprovar nos perfis que fiz sobre cada um deles aqui no blog.

…sei tocar um instrumento musical, o trompete.
Quando era mais novo entrei para a banda filarmónica aqui da zona e aprendi a tocar trompete. Apesar de até gostar e de me dar jeito os trocos que recebia sempre que havia concertos, neste momento estou a fazer uma pausa nessa parte da minha vida. É preciso um estudo diário para o qual não tenho grande disponibilidade. Mas, a verdade é que conheci alguns dos meus melhores amigos nessa mesma banda.

…NÃO tenho um Pégasus tatuado nas costas.
Acho que já comentei aqui no blog que estava a ponderar ter mas só irei fazer quando tiver mesmo a certeza, provavelmente nunca…

…adoro cogumelos e sei quais posso apanhar para comer.
Na terra dos meus avós existem uns cogumelos facilmente identificáveis pelo seu tamanho grande e tons em castanho e bege que as pessoas da zona chamam de “frades”. Só existem no mês de Outubro e tal como a minha avó ensinou a minha mãe a distingui-los, também eu e os meus irmãos desde pequenos fomos instruídos neste pequeno saber de família. A verdade é que assados, misturados numa salada ou simplesmente a acompanhar o prato principal, não há nada melhor…

…quando era pequeno NÂO dizia que queria ser polícia como o meu pai.
Devido ao meu fascínio por bicharada eu queria era ser veterinário, só bem mais tarde me interessei pela psicologia.

…acredito em Extraterrestres.
Não, não se deve à minha perturbação do sono eheheh. Nem acredito em homenzinhos verdes com anteninhas. Simplesmente acho que o Universo é tão vasto que existirá algures outros planetas com formas de vida diferentes, mesmo que sejam microrganismos certamente haverá. Não deixa de ser acreditar em extraterrestres. ;)


Mesmo sendo um dos blogers que acompanho há mais tempo e de já nos termos encontrado pessoalmente mais que uma vez não deixo de ficar surpreendido por o Pinguim ter sido o único a acertar. Nem o Theo ou as minhas Kengas acertaram nos 3. ;)

9 comentários:

Theo.. disse...

Bem agora fica mais fácil de responder :P A verdade é que não sei ond anda minha memória, sou um bocado distraído e isso me causa imensos problemas, as vezes na farmácia são quilos de cremes que vão fora pq esqueço-me de algo sorte que vejo a tempo antes de mandar para o balcão mas estou a tentar melhorar. Infelizmente não acertei os 3 erros mas eu tentei, andava naquela 1 tenho certeza absoluta, outro mais ou menos e o 3 me deixava mesmo em dúvida, é pena mas quem sabe para o próximo eu consiga acertar :) Amo-te mais que tudo!! Mas o do sono realmente passou-me por completo :(

Teté disse...

Protesto! (ando muito protestante) Acreditar que o universo é imenso e que podem e devem existir outras formas de vida, NÃO é o mesmo que acreditar em ETs!!! Daqueles que andam por aí a esvoaçar em naves espaciais, sejam verdes, vermelhos ou às bolinhas, com ou sem antenas, vários olhos ou nenhum, etc. e tal! :)))

Mas pronto, só acertei numa! Que era fácil, porque fluência no japonês, pois... :)

A dos jacarés também já tinha lido, diga-se em abono da verdade! E do trompete não sabia, evidentemente!

Beijocas e bom fim de semana!

Speedy disse...

Arg, tudo ao lado. Enfim, tb ainda só te "conheço" há dois meses. Melhor só se lesse todo o teu blog :)

Já agora, o nome do teu distúrbio de sono é mm esse? tenho uma colega com os tais "pesadelos".

E ainda vou no episódio 10 do Chron. Devagarinho chego ao final

Alberto Rivero Saeta disse...

Vaia, non acertei nada!
POlo menos serviu para conhecrete melhor.

Saudos.

Mike disse...

Eu acertei uma...em três. Para o próximo já me preparo melhor. :-)
Abraço.

pinguim disse...

I'm the winner!!!!!!!!!!!!!!!!

Rui's Soul disse...

2 em 3 não é mau lol

Cp disse...

Muito interessante as histórias de vida que guardas e que acabaste por contar aqui através de uma brincadeira original. Pena já ter vindo tarde para o desafio, mas já fiquei a conhecer-te melhor eheheh
Abraços! ^_^

X disse...

Oh, já não vim a tempo de responder...